CRIA logo

Como melhorar na redação do ENEM: 10 dicas fundamentais

Compartilhe

Nada melhor do que garantir aquele notão na redação do ENEM, certo? Para isso, existem alguns passos que você, candidato, pode seguir para aprender a como melhorar na redação do ENEM, desde conhecer a estrutura da prova até treinar muito.

Escrever bons textos não é uma tarefa fácil, já que exige conhecimento da estrutura do texto — ou seja, você precisa saber quais os elementos do gênero textual, além de repertório sociocultural. Assim, foi com o intuito de avaliar não somente a habilidade escrita de milhares de estudantes, mas também habilidades de raciocínio lógico, que o ENEM foi fundado.

O Ministério da Educação (MEC) criou o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) em 1998 para avaliar a qualidade do ensino médio (antes conhecido como 2º grau) no Brasil.

A partir de muitas mudanças, o ENEM, hoje, pode ser visto como uma ferramenta política que visa dar aos candidatos a oportunidade de ingressar no ensino superior.

Desse modo, se você deseja aprender a como melhorar na redação do ENEM, confira essas 10 dicas essenciais elaboradas pelo CRIA. Boa leitura.

como melhorar na redacao do enem
Como melhorar na redação do ENEM? Confira as principais estratégias para mandar bem no exame — Fonte: Freepik.

10 dias de como melhorar na redação do ENEM

Preparar-se para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) é um desafio que requer uma variedade de habilidades, sendo a capacidade de escrever uma redação convincente e bem organizada uma das mais importantes.

Assim, para desenvolver essas habilidades de escrita, além de utilizar recursos linguísticos como conectivos essenciais para redação, é preciso planejamento e muito treino. Então, confira 10 dicas de como melhorar na redação do ENEM:

1. Tenha um planejamento de estudos

Se organizar para estudar todo o conteúdo necessário é uma das maiores dificuldades dos estudantes, tanto na preparação para o exame quanto durante a faculdade. Então, o primeiro passo é se perguntar: “O que você deseja alcançar com seus estudos?”

A partir desse questionamento, identifique seus objetivos, o quanto de tempo há disponível até o momento da prova e quanto você pode estudar durante o dia. Vale lembrar que é preciso ser realista, já que uma rotina muito pesada de estudos pode impactar muito na saúde mental.

Outra dica valiosa é identificar quais as disciplinas você tem mais dificuldade e priorizá-las. Além disso, revise com frequência, já que a revisão constante ajuda a consolidar o aprendizado. Então, separe um tempo para revisar o que você estudou anteriormente.

2. Leia com frequência

A leitura é uma atividade crítica para o desenvolvimento cultural e intelectual das pessoas, além de formar uma compreensão da literatura e da sociedade.

Assim, para Antônio Cândido, a literatura possui uma função humanizadora, ou seja, capaz de transformar não somente o individuo, mas também a sociedade na totalidade. Desse modo, a leitura pode proporcionar um melhor entendimento da redação, além das questões objetivas do exame.

Em uma relação direta, essa característica impacta no respeito aos direitos humanos e na proposta de intervenção. De modo geral, ela impacta a habilidade de interpretação, compreensão, etc.

3. Domine a gramática

Dominar a gramática é muito valioso, já que a utilização da norma culta de maneira adequada não apenas evidencia um alto nível de domínio da língua, mas também contribui para a clareza e eficácia da comunicação escrita.

Além da habilidade da escrita, a gramática é cobrada pelas questões objetivas na prova de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias. Assim, de acordo com documento de Matriz de Referência (Ministério da Educação, p. 04), as questões de gramática do ENEM visam testar as seguintes habilidades:

  • H25- Identificar, em textos de diferentes gêneros, as marcas linguísticas que
    singularizam as variedades linguísticas sociais, regionais e de registro.
  • H26- Relacionar as variedades linguísticas a situações específicas de uso social.
  • H27- Reconhecer os usos da norma padrão da língua portuguesa nas diferentes
    situações de comunicação.

4. Esteja por dentro das notícias e atualidades

Para se preparar bem para o Exame Nacional do Ensino Médio, é essencial estar por dentro das notícias e atualidades.

O exame de redação do ENEM geralmente aborda temas atuais, e as respostas em ciências humanas e tecnologias (História, Geografia, Filosofia e Sociologia) dependem de conhecimentos sobre assuntos sociais, políticos, ambientais e culturais.

Dentro da sua rotina de estudos, separe um tempo para circular pelas notícias, seja online, na televisão ou nas redes sociais. Só não se esqueça de conferir as fontes para não cair em sites que propagam notícias falsas, as fake news.

5. Conheça a estrutura da redação do ENEM

Para escrever uma redação coesa e bem organizada, é fundamental compreender a estrutura da redação do ENEM. Assim, a introdução, o desenvolvimento e a conclusão são componentes da redação do exame.

A introdução do texto dissertativo-argumentativo é a parte inicial do texto. É nela que o candidato deve apresentar o tema abordado e chamar a atenção do leitor para a argumentação construída ao longo do texto.

Já o desenvolvimento é a parte da estrutura responsável por organizar os argumentos e evidências para sustentar a sua tese. A fim de não fugir do tema, defenda argumentos na proposta de redação.

Por fim, a conclusão é a última parte do texto. Sua construção reforça a tese defendida pelo redator do texto. Então, esse é o momento de arrematar todas as ideias apresentadas anteriormente. Além disso, retome a temática frequentemente.

como melhorar na redacao do enem
A leitura desempenha um papel fundamental na vida de qualquer pessoa, principalmente dos estudantes — Fonte: Pexels.

6. Saiba quais são as competências cobradas na redação

A redação do ENEM é avaliada com base em 5 competências e recebe uma pontuação que varia de 0 a 200 pontos. Então, o texto pode receber até mil pontos, com uma soma das cinco áreas avaliadas.

Assim, são elas:

  • Competência 1 – demonstrar domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa.
  • Competência 2 – compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, nos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo em prosa.
  • Competência 3 – selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.
  • Competência 4 – demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.
  • Competência 5 – elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

7. Treine muito a redação

Para melhorar suas habilidades de redação e obter um bom desempenho na redação do ENEM ou em qualquer outro exame que exija essa habilidade, você precisa treinar muito. Então, disponibilize um tempo da semana para praticar.

O ideal é redigir pelo menos uma redação por semana, além de corrigir os erros das anteriores. Esse trabalho de refação do texto pode parecer tedioso, mas é muito valioso para corrigir problemas frequentes.

8. Aprenda com seus erros

A partir do treino da redação, é possível identificar de erros e fraquezas, ampliar o vocabulário e expressões e desenvolvimento de estilo pessoal. Além disso, contribui para a evolução plena da escrita.

Desse modo, a refação deve ser vista como um exercício a empreender uma lógica de processo em vez de produto à produção textual.

9. Estude as redações nota mil

As redações nota mil no ENEM podem ser um material de estudos para os candidatos do ENEM. Isso auxilia no entendimento geral da estrutura e no que é esperado pela banca corretora. Além disso, podem servir como modelo para a sua escrita.

É possível encontrar análise de redações que tiraram nota máxima para entender qual foi o processo utilizado para escrever aquele texto.

10. Tenha uma check-list de elementos essenciais

Uma redação bem-sucedida depende de uma variedade de fatores considerados cuidadosamente e aplicados habilmente. Nesse sentido, ter uma lista de coisas importantes é como ter um mapa para navegar em meio ao desafio da escrita.

Essa lista não apenas nos dá conselhos sobre como escrever um texto coeso e convincente, mas também serve como um lembrete constante de que os detalhes fundamentais são a base da escrita de alta qualidade.

1. Título adequado (opcional):

Caso seja apropriado para o tipo de texto, inclua um título claro e relevante que resuma o tema ou a mensagem central da redação.

2. Introdução:

  • Apresente o tema de forma clara e objetiva;
  • Apresente uma tese ou ponto de vista sobre o tema;
  • Engaje o leitor com uma frase introdutória interessante, se possível.

3. Desenvolvimento:

  • Apresente argumentos sólidos que sustentem sua tese;
  • Utilize evidências, exemplos e fatos relevantes para respaldar seus argumentos;
  • Estruture seus parágrafos de maneira coerente e lógica;
  • Mantenha um equilíbrio entre a profundidade e a amplitude da discussão.

4. Coesão e Coerência:

  • Use conectores e conectivos para conectar frases e parágrafos;
  • Garanta que as ideias fluam de maneira lógica e sequencial;
  • Evite repetições desnecessárias e ambiguidades.

5. Argumentação convincente:

  • Apresente argumentos persuasivos e bem fundamentados;
  • Responda a possíveis objeções e contra-argumentos;
  • Destaque a relevância e a importância do tema.

6. Parágrafos e estruturação:

  • Inicie cada parágrafo com uma frase de tópico clara;
  • Use parágrafos para organizar suas ideias de forma lógica;
  • Garanta que haja uma transição suave entre os parágrafos.

7. Variedade Linguística:

  • Varie seu vocabulário para tornar a redação mais interessante;
  • Evite repetições excessivas de palavras e frases;
  • Use figuras de linguagem, se apropriado.

8. Norma Culta e Gramática:

  • Mantenha a escrita na norma culta da língua;
  • Evite erros gramaticais, ortográficos e de pontuação;
  • Revise sua redação em busca de correções.

9. Conclusão:

  • Recapitule sua tese e os principais argumentos;
  • Ofereça uma síntese das ideias apresentadas;
  • Termine com uma frase de encerramento forte ou uma reflexão.

10. Proposta de intervenção (opcional):

  • Se aplicável ao tipo de redação (como em textos dissertativos-argumentativos), apresente uma proposta de intervenção para solucionar um problema discutido.

11. Revisão e Correção:

  • Leia sua redação com atenção para verificar erros e melhorias;
  • Corrija quaisquer problemas de gramática, ortografia ou pontuação;
  • Certifique-se de que a redação atende aos critérios da avaliação.

Qual a importância da redação do ENEM?

A redação dissertativa-argumentativa é utilizada em vários concursos e vestibulares para universidades públicas e privadas, além da prova do ENEM. Assim, faz-se necessário compreender sua estrutura e elementos essenciais.

Especificamente no caso do ENEM, a redação é extremamente importante, já que se trata de um item desclassificatório caso o candidato tenha tirado 0. Além de avaliar o desempenho dos estudantes do ensino médio, ele possibilita a entrada de milhares de estudantes no ensino superior.

Por meio do exame, os candidatos podem de inscrever em programas como o FIES (Fundo de Financiamento Estudantil), ProUni (Portal Único de Acesso ao Ensino Superior, e SiSU (Sistema de Seleção Unificada).

Além disso, com a nota do ENEM, os participantes da prova podem se inscrever para pleitear vagas nas instituições de ensino públicas e privadas.

Como utilizar o CRIA nos seus estudos?

Como melhorar a redação do ENEM não é tarefa fácil, mas a partir dessas instruções e dicas essenciais pode facilitar, e muito, a vida dos candidatos. Mas continua se sentindo perdido? O CRIA pode te ajudar.

Projetado para ser um corretor de redações baseado em inteligência artificial e processamento de linguagem natural, o CRIA é uma ferramenta útil e simples de ser utilizada.

Assim, ele usa modelos de aprendizado de máquina gerados por meio de redações escritas por alunos reais e corrigidas por professores.

Através do modelo, o CRIA faz previsões de notas por competência, análise de contexto na introdução, previsão de defesa de tese, previsão de fuga ao tema, previsão de intervenção, uso de parônimas e homônimas, etc.

Quais são as funcionalidades do CRIA?

  • Análise instantânea da redação;
  • Simulação da sua nota do ENEM por competência;
  • Identificação de desvios, todos marcados no seu texto;
  • Traz correções detalhadas por competência;
  • Histórico de progresso;
  • Fornece dados para melhorias na escrita, em texto e/ou avatar explicativo;
  • Plataforma gamificada, pode compartilhar com amigos e obter vantagens;
  • Professor olha as correções do CRIA e pode alterar conforme achar necessário, assim o CRIA sempre aprende com eles.

Qual o passo a passo para utilizar o CRIA?

Após escolher o plano, seu acesso à plataforma será liberado. Então, basta escolher um tema disponível no site ou enviar outro tema desejado.

Em seguida, escreva o texto na área indica e submeta para correção. Em até 2 minutos, sua redação do ENEM estará corrigida de acordo com as 5 competências do exame.

Por fim, após realizar as correções indicadas, atualize a análise para obter um novo resultado.

inteligencia artificial para corrigir redacao
CRIA: corretor de redação por inteligência artificial — Foto: CRIA.

Acompanhe seu progresso

Após enviar as redações, é possível acessar outra ferramenta disponível para os alunos do CRIA: o gráfico com histórico de pontuação.

Assim, por meio dele, é possível visualizar de maneira clara as competências que precisam de mais atenção.

grafico de correcao de redacao interativo
Gráfico de correção de redação interativo — Fonte: CRIA.

A quem o CRIA é destinado?

  • Para os professores, visamos diminuir a sobrecarga e otimizar a gestão da turma;
  • Para os alunos, tornarmos o processo mais ágil, divertido, incentivando a prática constante.

Vamos começar? Então acesse aqui.

Esse artigo foi útil?

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 2

Lamentamos que este post não tenha sido útil pra você.

Vamos melhorar este post.

Como podemos melhorar esse post?

Mais recentes

como e a redacao da uft

Como é a redação da UFT 2024/2?

A redação da UFT segue o padrão comum de muitos vestibulares, solicitando aos candidatos que produzam um texto dissertativo-argumentativo. A avaliação é baseada em cinco competências específicas, conforme detalhado no edital da instituição.

Leia mais »